USAR AS OURELAS DOS TECIDOS

9.7.15
Quem gosta de tecidos, provavelmente já sabe daquilo que vou falar: de aproveitar tudo até ao mais ínfimo retalho, de não desprezar nem as ourelas! A ourela é aquela borda mais grossa do tecido, que lhe serve de acabamento, é ali que vêm impressos a paleta de cores da estampa, composição do pano, denominação do fabricante, do eventual designer e até o "nome próprio" do tecido. Depois de cortadas, viram tiras com dizeres e círculos de cores, que uma vez unidas, podem transformar-se elas próprias num tecido exclusivo, pessoal e intransmissível. De há uns tempos a esta parte, tenho vindo a guardar as ourelas dos tecidos que uso e também a receber (de braços abertos) as bordas que as amigas descartam. De posse de uma boa quantidade, lancei-me, à guisa de primeira experiência, numa almofada com um bloco fácil, apenas para comprovar duas situações das quais já suspeitava:
1) Não é mito o potencial destas margens aparentemente desinteressantes.
2) Verificou-se o meu maior temor: que de agora em diante, também será fator determinante na escolha do tecido, a originalidade da borda.

A sério, internem-me. Prometo não oferecer resistência.

















































Com algumas sobras fiz esta almofada para alfinetes. Gosto de alfineteiros grandes no meio da mesa de costura.





Como última dica, sugiro que digitem selvages ou selvedges no Pinterest, e um mundo de possibilidades se abrirá! São dezenas e dezenas de esquemas, composições surpreendentes e PAPs que deixam as minhas humildes criações esquecidas a um canto.

45 comentários:

  1. Boa tarde, Val
    aqui: 16:38 tarde de quinta-feira, com céu nublado e frio.
    Estou aqui te aplaudindo, é desta criatividade que falo sempre em meu blog. PARABÉNS.
    Amei a almofada, ficou super estilosa.
    E viva a criatividade!
    bjão e um ótimo final de semana.
    mari

    ResponderEliminar
  2. A sério?! Tiveste paciência para unir todas estas tirinhas? O certo é que fiquei aqui deliciada a olhar para estas almofadas absolutamente lindas e únicas!! A tua casa é um autêntico museu de arte! Invejável:)
    Tens de facto imensa criatividade! Parabéns!
    Um grande beijinho.

    ResponderEliminar
  3. Ei Val
    Vindo de você só poderia sair coisa muito boa, criativa, diferente e original.
    Achei o máximo seu trabalho, você é muito habilidosa.
    Parabéns, querida, fiquei encantada.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  4. Adorei a almofada! Ficou espectacular! Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Espectacular! Sem palavras...original demais!
    Bj grande

    ResponderEliminar
  6. Também colecciono ourelas, mas ainda não tive inspiração para as usar. Esta almofada ficou fantástica. Parabéns!

    ResponderEliminar
  7. Bem...não paro de me surpreender por aqui, é um "nada se perde tudo se transforma", adoro essa almofada, estou fascinada com ela, acho que vou voltar a este post um montão de vezes para a ver. Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Eu não teria tal idéia, sempre aproveito ao máximo, gostei da idéia .
    beijinhos

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  9. Boa noite Val, que aproveitamento perfeito, agradeço pela dica da costura, não sabia!
    Estar com você é sempre conhecer novidades, muito obrigada, uma feliz sexta feira.
    Abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderEliminar
  10. Que grande ideia Val! :) Gostei muito.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  11. Olá Val,

    Posso expor a minha aversão a alfineteiros? :-) Sim, eu tenho medo de alfineteiros... e às agulhas de fazer crochet... Talvez por ver algumas vezes agulhas espetadas nas palmas das mãos (não nas minhas :-)) mas mesmo assim impressionou-me e as agulhas de costura metem-me confusão!
    A sua criatividade é maravilhosa Val, qual internem-me qual quê! Só a val para se lembrar e para ter paciência e dedicação para uma coisa destas. Deve ter dado um trabalho imenso... Assim por curiosidade, sabe quanto tempo, ou quantos dias lhe demorou a fazer essa almofada? A juntar essas tirinhas todas... Ufa! Mas quem anda por gosto não cansa não é verdade?! :-)
    Está lindíssima, mesmo!
    E essa menina morena quem é? Filhota?

    Beijinhos grandes e desejos de bom fim-de-semana***

    ResponderEliminar
  12. Tu não existes Val!!
    Que inspiração que tu és minha querida!!
    Os teus trabalhos são únicos, cheios de cor, de criatividade e de muito bom gosto, PARABENS!!!
    Beijo enorme e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  13. A serio Val? Eu tenho algumas guardadas tambem porque as acho bonitas e nao fazia ideia do que fazer com elas... e vens tu com a ideia :) :) Obrigada por acrescentares coisas a minha lista de coisas a fazer! A almofada ficou o maximo e perfeitissima e a dos alfinetes uma fofura. Obrigada pela informacao da Zara :)
    Beijinhos e bom fim-de-semana
    Teresa

    ResponderEliminar
  14. Que ideia maravilhosa, Val!
    Só uma pessoa muito criativa como você pra ter essa ideia mesmo.
    Beijos e um ótimo fim de semana

    ResponderEliminar
  15. Val vc é incrível! Quanta craitividade! beijos Beli

    ResponderEliminar
  16. olá. também tenho uma almofada de um banco que uso na casa de banho, assim feito com essas tiras que acho um máximo. Esta está lindíssima. Parabéns e obrigado pelas dicas para quem tb quer seguir essa ideia. Afinal tudo se aproveita.

    ResponderEliminar
  17. Tenho muitas, mas muitas mesmo, guardadas! Fico planejando o que farei e postergando... agora animei!
    Suas almofadas, tanto a pequena quanto a grande, ficaram muito bonitas. Gostei da explicação, simples e direta.
    Bjs e ótimo fim de semana!

    ResponderEliminar
  18. Ficaram lindos! Tanto a almofada quanto o alfineteiro.
    Confesso que não sou tão apegada assim e sempre descartei as ourelas.
    Mas fica lindo mesmo.
    Parabéns, está arrasando nas costuras.
    Beijos

    ResponderEliminar
  19. Diferente, original e lindo!

    Nunca pensei nas ourelas...adorei sua sugestão...adorei seus trabalhos...adorei suas dicas.

    Agora terei um olhar mais carinhoso para as ourelas.

    beijinhos, Val, tenha um lindo final de semana,

    Lígia e =^.^=

    ResponderEliminar
  20. Jamais imaginei que bordas de tecidos pudesse se transformar em uma almofada tão maravilhosa , parabéns pela criatividade fiquei encantada com o resultado. Bjs.

    ResponderEliminar
  21. Simplesmente linda...
    Que ideia tão original, só podia ser tua Val.
    Nunca me passaria pela cabeça, parabéns!
    Beijinhos, Lenny:)

    ResponderEliminar
  22. Vc me confortou muito com seu post. Recentemente, estava cortando tecido para cobrir um móvel e morri de pena de jogar a borda, de tão bonita que era a descrição com o nome do designer e a paleta de cores. Meu marido riu e brinquei que um dia daria uma finalidade pra aquilo. Pois bem, encontrei! Agora só preciso juntar mais um monte...Ficou muito bacana o trabalho que fez, um visual bem diferente, interessante. Adorei! Beijo e ótimo domingo!

    ResponderEliminar
  23. Lindíssimo! Gosto muito dos teus trabalhos, sem excepção, mas este é provavelmente o meu preferido. Pela originalidade, pelos detalhes e pela execução... medalha de platina! :D
    Beijinhos,que tudo corra pelo melhor

    ResponderEliminar
  24. Val sempre bem disposta e criativa!! Adorei o texto e as explicações, mas a almofada e a modelo escondida estavam lindas!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  25. Eu sou a sua fã!

    Sem comentários, você arrasou mil vezes! Com certeza é exclusiva, pessoal e intransmissível.

    Parabéns! Beijos! Thamyrez

    ResponderEliminar
  26. Sou apaixonada por trabalhos com ourelas.Já me rendi as mesmas e fiz uma necessaire que ficou linda.Sua almofada ficou perfeita ,um charme.Parabéns !
    Bjs e uma ótima semana cheinha de boas idéias.

    ResponderEliminar
  27. Que incrível Val... adoro essas inspirações crafts que aproveitam tudo com criatividade. Essa almofada ficou um escândalo de linda. =)
    Beijos,

    ResponderEliminar
  28. Oi Val!

    Embora não tenha o dom da costura, gostei da ideia!
    Reaproveitar é tudo de bom. A almofada vermelha ficou um cute!
    É a minha preferida.
    Assim que postar o interior da Casa do Caboclo, avisarei você, tá bom?

    Bjksss

    Bjksss

    ResponderEliminar
  29. Ola Val,

    Linda, maravilhosa. Adoro suas criações, todas, acho que os tecidos é seu meio natural, onde se solta e navega a vontade, e as cores vão se junta do e se transformando em peças lindas e únicas!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  30. Em tempos guardei as aurelas, mas depois tenho dias em que me dá um vip-vap-vup e deito montes de coisas fora ( que me arrependo quando me lembro delas novamente...) e numa dessas vezes zuca lá foram as tirinhas para o contentor.
    Como sempre tens muito bom gosto na escolha das cores.
    Beijinhos
    Pinta

    ResponderEliminar
  31. Que coisa linda Val!!! Saudades de vc... prometo que em breve postarei. Beijos no seu coração! Clau.

    ResponderEliminar
  32. Val querida
    Muitíssimo obrigada pelo seu comentário maravilhoso e amável deixado no bloguinho, me deixou muito feliz.
    Grande beijo, pra você.

    ResponderEliminar
  33. Uau Val, que ideia tão fantástica! Que aproveitamento mais original. Adorei!
    bjs ;)

    ResponderEliminar
  34. nossa que legal adorei a criatividade, e sem contar que alem de evitar o desperdicio, o trabalho fica muito bonito ne.

    ResponderEliminar
  35. Que máximo Val :)
    Ficou linda a almofada, linda, linda :)
    E o alfineteiro ficou um máximo :)
    Sempre a surpreende-me :D :D
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  36. Simplesmente fantástico!
    Adoro, também guardo algumas mas nunca tinha pensado nessa utilidade!
    Parabéns.
    Bjs

    ResponderEliminar
  37. Hola al querida !! Esa almohada quedo maravillosa ,, adore ese trabajo de poner las cintas una a una ,, es un traabjo a la prolijidad y pasiencia

    ResponderEliminar
  38. Já passei aqui antes, vi o post, compartilhei na minha pagina, mas não deu tempo de comentar aquele dia. Fiquei apaixonada por esta almofadas, achei um charme!!!!!!!!!!!
    parabéns pelo bom gosto, pelo capricho e por sua paciência amiga!

    ResponderEliminar
  39. Fantástico! Ainda por cima em português! Adorei, amei a ideia, ainda bem que vim cá parar através do blog da Ana... estou apaixonada por essa almofada e pela simples forma de a fazer, linda, linda demais!
    Obrigada pela maravilhosa partilha! :)

    ResponderEliminar
  40. Nunca tinha pensado nesta hipótese mas fica muitoooooo interessante!
    Parabéns, uma vez mais. :)

    ResponderEliminar
  41. Val querida, voltei aqui só para te dizer que também estou entusiasmada com as ourelas. Bem, comecei a juntar ontem, uma vez que comprei tecidos novos (foram só dois, rs). Mas, irá aos poucos... :)
    Tenho pena das ourelas que deitei fora :(.
    O gosto pelos retalhinhos instalou-se e comecei a olhar com outros olhos para as ourelas. Por isso me lembrei deste post, onde tu, tão claramente falas e usas as benditas.
    Tenho duas perguntas: as que desfiam não se podem usar, porque desfiam, é isso? E as ourelas que não tem letrinhas nem nada, são apenas claras ou algumas vezes, da cor do tecido, não se devem usar? Estou curiosa e com vontade de guardar, mas só o que se pode e deve aproveitar.
    Obrigada, minha querida, perdoa o incómodo, fica com um grande beijinho meu. Até logo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lete, de fato as ourelas juntas fazem trabalhos muito bonitos e bem originais. As ourelas desfiadas realmente não ficam bonitas . Experimentei e se começas a mexer muito na peça elas desfiam mesmo. Quanto às ourelas que não têm nada escrito nem sequer a paleta de cores, eu por acaso não tenho olhado para elas com olhos de ver. Mas acho que misturadas com as outras pode fazer um bom efeito! beijinho!

      Eliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics